Eletrocardiografia (ECG)

Descrição

O Eletrocardiograma (ECG) é um exame complementar de diagnóstico não invasivo e indolor, utilizado para avaliar a função cardíaca. Este exame permite detetar a atividade elétrica do coração, fornecendo uma representação gráfica de impulsos elétricos gerados no coração. Normalmente é a primeira abordagem para despiste de doenças cardiovasculares, pois permite detetar arritmias e outras alterações cardíacas, que ajudam o Médico a orientar o diagnóstico e a necessidade de investigação adicional.

 

Preparação

Não é necessária nenhuma preparação prévia para a realização do Eletrocardiograma (ECG).

 

Procedimentos

O Eletrocardiograma em repouso é realizado num ambiente tranquilo, com o paciente deitado e com o tronco nu.

São fixados no tórax seis elétrodos, e um em cada um dos membros que serão ligados por cabos ao eletrocardiógrafo. Habitualmente, utiliza-se um pouco de gel entre cada elétrodo e a pele para aumentar a condução elétrica.

Após a correta colocação dos elétrodos eles são ligados ao aparelho que fará a leitura da atividade elétrica do coração.

O exame ECG pode ser realizado em repouso ou em esforço:

ECG em repouso – é um exame barato, rápido e fácil de realizar.

ECG de esforço – este exame requer a utilização de equipamento, como uma passadeira ou uma bicicleta ergométrica, sendo por este facto mais oneroso do que o primeiro. Este é um exame não invasivo e permite avaliar o coração sob condição de stress, podendo evidenciar alterações não reveladas no ECG de repouso.

Existe outra modalidade de ECG na qual o exame regista a atividade do coração durante 24 horas. Este exame chama-se monitorização por Holter e permite estudar o comportamento do coração ao longo do dia, comparando-a com as atividades realizadas e com os sintomas do doente, que este deve registar num diário.

Exame disponível nos seguintes Centros Médicos

Pode escolher na página de marcação online o subsistema ou seguradora convencionado na clínica escolhida.